PATOLOGIAS NO PUNHO E NA MÃO: QUAIS AS MAIS COMUNS?

PATOLOGIAS NO PUNHO E NA MÃO: QUAIS AS MAIS COMUNS?

Compartilhe:

Fique atento às lesões que requerem maiores cuidados. Alguns casos necessitam até de cirurgia


Podemos dividir as mais comuns patologias da mão e punho por faixa etária, na infância e adolescência, devido ao grande número de quedas e traumas, as lesões traumáticas como fraturas, entorses e contusões são as mais comuns. Já no adulto jovem, muitas vezes os acidentes de trabalho como esmagamento, ferimentos cortantes ou queda de altura apresentam uma grande incidência, as tendinites são as causas de dores mais relatas devidos aos esforços repetitivos ou atividades físicas desregradas. Os adultos de meia idade e idosos já apresentam a síndrome do túnel, a artrose e o dedo em gatilho como as patologias mais frequentes.
Importante destacar também a tenossinovite de De Quervain - uma forma de lesão tendinosa repetitiva envolvendo dois dos tendões que percorrem o lado dorso lateral do punho. Os pacientes geralmente expressam desconforto considerável com o movimento do punho e do polegar.
Casos em que a cirurgia é recomendada
A grande maioria das patologias que acometem a mão e punho apresentam uma melhora satisfatória com o tratamento clínico adequado, tanto medicamentoso como fisioterápico, porém em casos que há falha no tratamento clínico as cirurgias estão indicadas. As cirurgias mais realizadas são para a síndrome do túnel do carpo, dedo em gatilho, cisto sinovial de punho e tenossinovite de De Quervain.
Em média, o paciente demora de três a quatro semanas para conseguir realizar suas atividades no trabalho, nesse período aguardamos a cicatrização da pele, melhora o edema e da dor pós-operatória, avaliamos se ocorre alguma infecção local e após o paciente apresentar uma melhora já encaminhamos para iniciar com a fisioterapia.
Após a recuperação completa da cirurgia, o paciente encontra-se apto para realizar qualquer atividade que já realizava, desde laboral à atividade física. O índice de recidiva das doenças como síndrome do túnel do carpo, dedo em gatilho, cisto sinovial são muito baixos, desde que a indicação do procedimento e a cirurgia tenham sidos precisas, porém é comum o aparecimento das mesmas patologias no membro contralateral.

Outros artigos