SÍNDROME MIOFASCIAL: UMA DAS PRINCIPAIS CAUSAS DE DOR NAS COSTAS E NO PESCOÇO

SÍNDROME MIOFASCIAL: UMA DAS PRINCIPAIS CAUSAS DE DOR NAS COSTAS E NO PESCOÇO

Compartilhe:

Fique atento aos sintomas e saiba qual o tratamento ideal

A Sindrome Miofascial (SDM) é uma das mais frequentes causas de dor nas costas e no pescoço e é maior causa de dor musculoesquelética.

É uma condição caracterizada pela presença de pontos gatilhos (ou trigger points), popularmente chamados de nódulos musculares. Uma particularidade destes nódulos é que quando estimulados causam dor em uma área distante (dor referida). Por exemplo, um nódulo na região cervical quando comprimido, pode gerar uma dor na cabeça ou no braço.

Causas relacionadas: movimentos repetitivos; baixo condicionamento físico; inatividade por um longo período de uma determinada musculatura; traumas; fatores nutricionais; fatores emocionais como estresse e ansiedade; doenças da tireoide; diabetes;

O diagnóstico é clínico, ou seja, a história da dor e o exame físico, onde poderá ser observado a contratura muscular, além disso, é possível perceber a diminuição da mobilidade local e fraqueza muscular (fenômenos motores), dormências e formigamento (sensoriais), vertigens, urgência urinária ou desconforto ao urinar (autonômicos). A termografia pode auxiliar no diagnóstico.

Em relação aos tratamentos, importante colocar que a base vem da identificação da causa, correção e reabilitação, neste inclui a fisioterapia, psicologia, nutrição e educação física. Os medicamentos que basicamente são utilizados são os analgésicos, anti-inflamatórios, relaxantes musculares, antidepressivos. Em alguns casos indica-se: terapias por agulhamento a seco ou com o uso de anestésico, acupuntura, inclusive pode se recorrer ao uso da toxina botulínica.

Mais artigos de Dr. João Henrique Araújo